Crítica: ‘Mad Max: Fury Road’ – Who killed the world?

O primeiro filme da saga Mad Max data de 1979, uma produção australiana com menos de um milhão de dólares de orçamento, dirigida pelo estreante George Miller e estrelada por um desconhecido Mel Gibson. A produção era tão precária que … Leia mais

Crítica: ‘Rio, eu te amo’

Por mais que odeie frases prontas, sempre genéricas e às vezes também moralistas, dou o braço a torcer àquela que diz que “menos é mais” e Rio, eu te amo, terceiro filme da série Cities of Love é prova cabal … Leia mais