The Knife muda de hábito

em 29 de janeiro de 2013

The Knife, a influente dupla eletrônica de irmã e irmão suecos, tem álbum novo marcado para abril. Se as amostras, o tracklist e o curta-metragem a seguir são indicativo, Shaking the Habitual será um disco muito, muito estranho. O próprio título parece avisar aos fãs dos clássicos “Heartbeats” e Silent Shout: preparam-se, retorçam as expectativas! Talvez, para contextualizar a maluquice, valha lembrar que o último trabalho do Knife foi a colaboração em Tomorrow, in a Year, uma ópera sobre Darwin que a maioria das pessoas, eu inclusive, não se aventurou a ouvir.

(ATUALIZAÇÃO: Infelizmente tiraram as amostras do ar, mas ainda dá para assistir ao clipe no fim do post.)

Shaking the Habitual 

[09/04/2013; Rabid, Brille, Mute]

01. “A Tooth for an Eye” 6:04
02. “Full of Fire” 9:17
03. “A Cherry on Top” 8:43
04. “Without You My Life Would Be Boring” 5:14
05. “Wrap Your Arms Around Me” 4:36
06. “Crake” 0:55
07. “Old Dreams Waiting to Be Realized” 19:22
08. “Raging Lung” 9:58
09. “Networking” 6:42
10. “Oryx” 0:37
11. “Stay Out Here” 10:42
12. “Fracking Fluid Injection” 9:54
13. “Ready to Lose” 4:36

Algum dos literatas do Posfácio leu Oryx and Crake? As duas faixas menores, pelo jeito, têm esses nomes por causa do livro. Já se você procurar no Google “A Tooth for an Eye”, vai deparar com imagens de pessoas que se curaram da cegueira com um implante de tecido do dente. Aviso que são meio grotescas as fotos, como se saídas dum filme do Lynch. The Knife gosta de Lynch.

O primeiro single, a sensacional “Full of Fire”, ganhou um videoclipe de Marit Östberg, diretora de pornôs. Não, o curta não é pornô, mas também não recomendo que assistam no trabalho. The Knife tem uma certa obsessão por androginia e transgeneridade, vide esta brilhante apresentação de “Pass This On” num talk-show da Suécia. Vai ver The Knife são os irmãos Wachowski da música, e um dia vamos descobrir que a Fever Ray é transex.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.