A ilha é ela mesma, de Thiago Camelo

por Henrique Amaral À primeira vista, o título do segundo livro de poemas de Thiago Camelo – A ilha é ela mesma (Moça Editora, 2015) – talvez remeta o leitor, pelo redundante e insular da afirmação, ao lugar-comum do isolamento … Leia mais