Flip is for Fitzgerald

Tem uma hora que a gente precisa se sentar e conversar: essa é a hora. A frase anterior – e algumas das seguintes – foram escritas ainda em Paraty, quando pensei que teria paciência de ficar escrevendo na Casa Posfácio, … Leia mais

Medi uma Flip em abraços

Na crônica “O legado de Kudno Mojesic” – presente no recém-lançado O louco de palestra, de Vanessa Barbara –, a escritora se dá o direito de medir um corso1 de forma inusitada. Coletivo de “carro (em desfile)” que acabo de … Leia mais