auf Wiedersehen?

em 1 de dezembro de 2019

Costumava terminar todos os meus textos aqui no Posfácio com auf Wiedersehen, o que no meu alemão básico significa, em tradução livre, “até nos vermos novamente”. Finalizava os meus textos com esse “até logo” justamente porque eu voltaria a escrever e porque eu saberia que as pessoas voltariam aqui. Não é uma presunção. Longe disso. Creio que o Posfácio sempre foi um lugar para as pessoas voltarem para ler e reler sobre assuntos pertinentes a elas.

É claro que esse até logo demorou muito tempo para ser logo e ficou apenas com o até. Por ser um projeto surgido das cinzas de outro, com pessoas ligadas ao mundo literário, cinematográfico e muitos etc., mas todos como voluntários, era difícil manter uma rotina de publicação. Todos temos de produzir algo que nos dê retorno para vivermos minimamente com apartamentos, boletos e cervejas de procedência duvidosa aos finais de semana.

Eu nunca deixei de ler, assim como boa parte das pessoas que aqui escreviam. Muitos deles sempre agradeceram o espaço, seja por conseguirem empregos, por conseguirem contatos – vulgo networking – ou pelo simples fato de terem criados laços de amizades duradouros. A nossa paixão pela literatura – e por quê não a cólera? – não se extingue, ela permanece adormecida. Talvez não seja a melhor hora para voltar com um site sobre literatura, resenhas, ensaios ou colunas opinativas, mas nunca deixamos de comentar que a volta era inevitável.

Escrevo aqui sem saber quem voltará comigo e essa é a melhor certeza que eu poderia ter. Não quero pessoas escrevendo como se fossem obrigadas, com prazos, com “chapa branca”. O Posfácio, pra mim, sempre foi um espaço prazeroso para expor opiniões e visões sobre um determinado assunto (tin tin: a literatura). Mais maduros, mais desencanados, podemos ser mais livres para escrever e publicar sem necessidade de uma audiência; publicaremos porque queremos tirar de nossos teclados, dos nossos monólogos, das nossas cabeças, um excerto desnecessário – um quase exorcismo.

Quero convidá-los para continuar aqui conosco. Não prometemos as melhores visões, apenas a pluralidade delas. Seja como for, o Posfácio sempre foi uma aposta, e como em toda aposta podemos ganhar, perder, ganhar, perder…

Voltaremos aos poucos com as melhores leituras, com as melhores indicações, com as coberturas e outras coisas que planejamos, mas não queremos revelar para não cumprir mais pra frente.

Esse será o meu primeiro post de retorno e tudo que posso dizer é auf Wiedersehen.

4 comentários para “auf Wiedersehen?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.