Ela pode escrever QUALQUER coisa

(Põe Tori Amos para tocar – “Pretty Good Year” – e começa a escrever.) Julho já passou e a gente não se esqueceu: 2014 é O ano para ler mulheres. À hashtag #readwomen2014 uniu-se outra, mais recente (#kdmulheres), cujo fim … Leia mais

Novos escritores e suas narrativas breves

Ano passado, ao ler o artigo “E então, quando vem o romance?”, de Marcelo Moutinho, praticamente abortei, pela metade, um texto que escrevia – aliás, o texto a seguir. Falar também sobre narrativas breves1 pareceu-me desnecessário, de tanto que gostei … Leia mais

Uma prosa entre Lydia Davis e John Banville

Há cinco anos faço entrevistas com escritores, e entre o terceiro e quinto ano exercendo esse papel notei o quanto é difícil realizar um quiz de perguntas e respostas, ainda mais quando o tema é o mesmo: literatura. Se é … Leia mais

“Eu me interesso por todo tipo de coisa”, entrevista com Lydia Davis

por Marina Araújo Lydia Davis teve seu primeiro livro lançado no Brasil este ano e está na Flip, onde participou de uma mesa sobre tradução e hoje fará parte da mesa 14, em que discutirá os limites da prosa com … Leia mais