Livros para a sala de espera

“Nunca confie em alguém que não trouxe um livro consigo.” Não acho que as pessoas liguem tanto assim para a imagem que passam. Talvez elas simplesmente não levem a sério essa famosa citação de Lemony Snicket. Deve ser por isso … Leia mais

A mulher mais bonita da cidade (Charles Bukowski)

Mais uma vez, Henry Chinaski. O poeta beberrão, encrenqueiro e problemático. Que, é verdade, esconde dentro de si um homem sensível – pelo menos muito mais sensível que a maioria das pessoas que vive ao seu redor. Mas não apenas … Leia mais

Cartas na Rua (Charles Bukowski)

Se em Misto-Quente Henry Chinaski é um adolescente espinhento e fracassado que leva porrada do pai e que é maltratado pelos colegas, e em Mulheres temos o mesmo Chinaski, agora um escritor velhaco e fim-de-carreira – mas sem jamais abandonar … Leia mais

Mulheres (Charles Bukowski)

Em tempos de ‘Slut Walk’- e um súbito  um reempoderamento dos movimentos feministas- um livro como Mulheres, do norte-americano de origem alemã Charles Bukowski soa anacrônico, afinal muitas vezes soa sexista, ao ponto do chauvinismo. E, confesso, é quase difícil … Leia mais

Sujo, Cru e Talentoso

“[…] ele havia sido um vagabundo, um imprestável, um proletário, um bêbado; bem, que fosse. Claro, outros trabalharam o mesmo território, mas o que diferenciava Bukowski do resto deles – os Knut Hamsuns, Jack Londons, Maxim Gorkys e Jim Tullys … Leia mais

Misto-quente

É fácil imaginar-se numa América pós-crise de 29, descendente de alemão, com pai autoritário e espancador, espinhas na cara, uma personalidade impassível e o fatídico destino de servir de mão-de-obra barata? Apesar de se achar durão, as garotas do colégio … Leia mais