José, por Pilar

O sotaque espanhol da jornalista Pilar del Río entrega aqui e ali, na forma de uma ou outra palavra na língua de Camões, o resultado de uma convivência de 22 anos com o escritor português José Saramago, falecido em junho … Leia mais

Saramago e a cisão da Europa

As histórias de Saramago são bem tresloucadas. Fico imaginando como elas surgiram em sua cabeça e como elas foram ponderadas e cotejadas até virem a se encarnar naquela prosa rebuscada e totalmente idiossincrática do escritor português. Deve ser um processo … Leia mais

Vozes, rumores e gritos: breve nota sobre Almeida Faria

Aos 19 anos de idade, quando a maioria de nós está se embebedando na faculdade ou fora dela, um jovem português de longo nome, Benigno José Mira de Almeida Faria (1943), mais conhecido apenas por Almeida Faria, lançava sua primeira … Leia mais

Um piano para cavalos altos (Sandro William Junqueira)

Fiquei desconcertado quando li o livro Cães heróis, do escritor mexicano Mario Bellatín. A forma tresloucada e misteriosa com que ele narra os estranhos eventos de seu livro, a maneira como a trama se desenrola, e o enorme ponto de … Leia mais

Objecto quase (José Saramago)

Sou fã de epígrafes. A posição estratégica que elas ocupam num texto faz borbulhar a imaginação do leitor ao mesmo tempo em que, de alguma maneira, indica o que virá a seguir. Estando entre o título e o texto propriamente … Leia mais

História do cerco de Lisboa (José Saramago)

Apesar de ser formado em História e de estar terminando meu mestrado na área, não costumo ler muitos romances históricos. Se eu fosse um pouco mais taxativo até diria que tenho um certo ranço com relação a romances históricos. Estou … Leia mais

Jerusalém (Gonçalo M. Tavares)

Na última década, Gonçalo M. Tavares (1970), jovem escritor português, vem surpreendendo a todos com sua grande e variada produção literária, que já lhe rendeu alguns dos maiores prêmios do mundo de língua portuguesa. Por Jerusalém, romance publicado em 2004 … Leia mais

Ensaio sobre a lucidez (José Saramago)

Em toda eleição um pensamento me vem à cabeça: e se as maioria dos eleitores resolvesse votar em branco? O que aconteceria? Eu nunca passei de algumas reflexões hipotéticas superficiais e meramente episódicas, já José Saramago foi mais longe: escreveu … Leia mais

As intermitências da morte (José Saramago)

E se, de uma hora para outra, as pessoas deixassem de morrer? O que aconteceria, a curto e longo prazo, nas instâncias mais estruturais e nas mais cotidianas, se a morte deixasse de pôr limites à vida das pessoas? Essa … Leia mais

A viagem do elefante (José Saramago)

Mesmo não tendo lido a maior parte da obra do escritor português José Saramago, ouso dizer que uma das melhores formas de adentrar no seu universo de temas, questões, abordagens e estilo é A viagem do elefante. O romance (ou … Leia mais

Levantado do chão (José Saramago)

Levantado do chão, romance de 1980, é considerado o primeiro em que o estilo tipicamente saramaguiano de narrar se consolida, e foi publicado quando o escritor português já contava 58 anos. A caminhada rumo à consolidação estilística e de temas, … Leia mais

O homem duplicado (José Saramago)

O que você faria se descobrisse, ao assistir um filme, que existe uma pessoa que é sua cópia perfeita? Como reagiria e de qual forma se comportaria diante desse fato insólito? Essa é a premissa de O homem duplicado, romance … Leia mais