Crítica: Ida

Pawel Pawlikowski não é estranho aos prêmios e circuito de festivais: Last Resort, seu segundo longa, recebeu diversas críticas positivas e foi um dos destaques do Festival de Toronto em 2000. No entanto, desde então, os filmes do diretor têm … Leia mais

Sobre a memória

Tirando as apostas do Nobel que fiz junto com o Tiago, foi em 16 de abril de 2013 a última vez que escrevi para o site. Pouco menos de um ano. De lá pra cá insistentes promessas de que voltaria. … Leia mais

Esquizofrenia Progressiva: a literatura depois de Fernando Lugo

Na última sexta-feira aconteceu uma das coisas politicamente mais assustadoras dos últimos anos, na América Latina: o impeachment do presidente paraguaio Fernando Lugo. Não planejo entrar nos méritos ou deméritos de Lugo: o fato é que tudo foi rápido demais … Leia mais

Gatos Empoleirados – À memória fraca

Há uma semana ocorreu um Shabat em memória às vítimas do Holocausto na Congregação Israelita Paulista e eu, como um entusiasta do judaísmo – vide os livros sobre o assunto que já resenhei, duas ou três colunas que escrevi -, … Leia mais

O pássaro pintado (Jerzy Kosinski)

Seguindo meus rituais de leitura, bordejei a obra do autor norte-americano Jerzy Kosinski e fui ler O pássaro pintado depois de ter lido O videota. O livro foi publicado em 1965 e causou controvérsia a respeito da credibilidade que deveria … Leia mais

Jakob, o mentiroso (Jurek Becker)

Existem tantos livros e filmes a respeito da Shoah, mostrando como era dura a vida – e a morte – nos campos de concentração, que um outro aspecto do Holocausto acaba sendo, por vezes, esquecido, ou pelo menos jogado para … Leia mais

Marcas de Nascença (Nancy Huston)

Quatro gerações de uma mesma família problemática. Dificuldades no relacionamente entre pais, filhos e avós. Judeus, nazistas, o segunda guerra do Iraque, o conflito israelo-palestino. Em poucas palavras, é assim que eu resumiria o livro da escritora canadense Nancy Huston. … Leia mais

A Noite (Elie Wiesel)

“Nunca me esquecerei daquela noite, a primeira noite de campo, que fez minha vida uma noite longa e sete vezes aferrolhada. Nunca me esquecerei daquela fumaça. Nunca me esquecerei dos rostos das crianças cujos corpos eu vi se transformarem em … Leia mais

Pożegnanie z Marią (Tadeusz Borowski)

Muito já foi escrito a respeito do Holocausto. Chega a ser quase impossível enumerar a quantidade de autores que escreveram a respeito- seja por terem realmente estado lá, seja por terem resolvido lidar com um trauma familiar ou ainda ganhar … Leia mais

O Fiasco (Imre Kertész)

O húngaro Imre Kertész, laureado com o Nobel em 2002, é um dos principais autores do Holocausto. Ele esteve em Auschwitz por um único dia, sendo transferido em seguida para Buchenwald, mas a experiência foi central em sua vida e … Leia mais

Literatura e Holocausto- parte II

Jonathan Safran Foer nasceu em 1977. Existe, portanto, a impossibilidade histórica de que ele tenha sobrevivido ao Holocausto: a Shoah terminou trinta e dois anos antes que o escritor norte-americano de ascendência judia-polonesa nascesse. Sua obra ‘Tudo Iluminado’, porém, tem … Leia mais

Literatura e Holocausto- parte I

A Shoah -o nome que os judeus dão para o Holocausto- foi uma experiência de violência inacreditável, evocando horrores até então impensáveis. O choque foi tão grande que levou o filósofo alemão Theodor Adorno a declarar pemas a respeito como … Leia mais